COMO LIVRAR-SE DA DEPRESSÃO!!

Caro leitor, cara leitora.
Pense nas coisas que mais gosta de fazer…
No seu restaurante preferido…
Nas pessoas que despertam em você uma vontade de parar o que está fazendo, somente para passar um tempo juntos…
… agora relembre o seu cansaço e a sua apatia para fazer essas e todas as outras atividades que mais lhe dão prazer na vida.
Você culpa seu trabalho… pode culpar sua família… muitas vezes acha que a responsabilidade é toda sua… mas você já sabe a resposta da inconveniente pergunta:
“Quem é responsável por tudo isso?”
Sim, é a depressão que sabota o seu desejo de viver e te aprisiona sem que você perceba.
Quero que você saiba que é possível sair dessa situação – e seu primeiro passo pode ser dado agora.
Hoje, você terá acesso com exclusividade à solução M3PA
Um caminho terapêutico pioneiro, transformador e desenvolvido para acabar com a depressão em 20 dias
Com ela, você irá:
Retomar o prazer em fazer as coisas que sempre gostou
Sentir novamente disposição para a conhecer o novo;
Eliminar cada vez mais o tédio da sua vida;
Acordar será mais fácil e dormir não será um martírio.
E como se trata de uma solução natural, você irá retomar as rédeas da sua vida sem precisar se expor aos perigosos efeitos dos antidepressivos.
Eu sei. É natural que você esteja duvidando de tudo o que falo.
No começo, eu também desconfiei.
Mas afirmo a você com toda a convicção: foi somente isto que me salvou. Para me sentir bem, de uma forma que eu nem me lembrava mais, bastaram 20 dias com a solução M3PA.
E caso você esteja se perguntando quem sou eu para lhe recomendar esta solução natural, te respondo.

Meu nome é Nelson Annunciato.
Tenho 58 anos, sou Doutor em Ciências pela USP (Universidade de São Paulo) e pela Universidade Médica de Lübeck, na Alemanha.
Também possuo um Pós-Doutorado em Reabilitação Neurológica pela Universidade de Munique, na Alemanha.
Atualmente, curso minha quarta pós-graduação, na Uningá, em Adequação Nutricional e Manutenção da Homeostase Endócrina – Prevenção e Tratamento de Doenças Relacionadas à Idade.
Há 39 anos, me dedico ao estudo das Neurociências e das doenças relacionadas ao cérebro…
… e mais que todos esses diplomas, a conquista da qual tenho mais orgulho foi ter vencido a depressão.
Por isso, acredite: você também pode se livrar desta condição seguindo este mesmo método.
Você sabe, leva um tempo até perceber que estamos sob o pensamento depressivo.
E quando é constatado o diagnóstico, você pode pensar: “se tenho uma doença, basta tomar remédios”.
O que você não percebe nesse momento é que, no caso dos antidepressivos, você ficará preso numa armadilha por toda sua vida.

Antes de conhecer a solução M3Pa, eu mesmo caí nessa e acabei sofrendo um efeito colateral seríssimo.
Essas drogas estão na farmácia da esquina de sua casa e têm muitos nomes. Clonazepan, Rivotril, Frontal, Lexapro, Prozac, Valdoxan, Tryptanol…
… até com este nome agradável que está à sua direita, há uma droga capaz de provocar efeitos adversos no seu corpo.
É verdade que, em alguns casos, o uso pontual dessas drogas é necessário e pode salvar vidas, mas a psiquiatria não pode contar apenas com este recurso.
O motivo, basta você olhar a bula para ver: eles são repletos de efeitos colaterais, como já escancaram inúmeras pesquisas científicas.
700 pessoas foram submetidas a um estudo da Royal College of Physicians and Surgeons of Canada sobre os impactos dos antidepressivos.
4 em cada 10 apresentaram efeitos colaterais. Os mais citados foram, em ordem crescente: sonolência, ganho de peso e disfunção erétil.

E por falar em disfunção erétil, é assustador saber que a tanta gente que toma antidepressivos apresenta esta condição.
Um estudo realizado pelo psiquiatra Dr. Anthony Rothschild, da University of Massachussetts Medical School, concluiu que, em média, 40% das pessoas que tomam antidepressivos desenvolverão impotência.
Ou seja: a cada 5 pessoas, 2 apresentarão este sintoma.

Perceba, são drogas capazes de afetar não apenas você, mas sua relação conjugal e, consequentemente, sua família como um todo.
Será que esta é a ajuda que você precisa para sair do quadro depressivo?
Não é à toa que muitos pesquisadores que se propõem a estudar esses remédios chegam às mesmas conclusões.
O Dr. David Healy, por exemplo, professor de psiquiatria da Bangor University (UK), afirma categoricamente:
“Antidepressivos são um milagre do marketing
moderno, não da medicina moderna”
Ele justifica seu pensamento pelo poder com que esses remédios propagam suas promessas de melhora, nada condizente com seus reais efeitos.
Já o psicólogo Irving Kirsch, professor da Harvard Medical School, define essas drogas pelos riscos que trazem ao nosso organismo.
Sua opinião, inclusive, dá nome a um de seus estudos sobre o tema:
“Antidepressivos são placebos com efeitos colaterais”
Para chegar a esta conclusão, Irving Kirsch, psicólogo da Harvard Medical School, comparou e reavaliou 243 estudos que comparavam as drogas em relação às pílulas de farinha – o chamado placebo.
Resultado: não há diferença clínica entre ambos.

Se você buscar livros sobre o tema, verá que as publicações também não são poucas

Em linhas gerais, o que esses remédios fazem – ou prometem fazer, dado o sucesso do marketing e do placebo – é aumentar artificialmente a concentração da serotonina no cérebro, o “neurotransmissor da felicidade”.
Porém, o que eles não fazem é estimular o seu corpo a produzir serotonina naturalmente.
Assim, os antidepressivos não corrigem um desequilíbrio, e sim o acentuam e deixam você dependente de seus efeitos para sempre.
Mas agora, com a solução M3PA, você saberá realmente como fazer seu corpo produzir serotonina naturalmente
Como falei, eu senti na pele o que é a depressão.
Após dois anos cada vez mais aprisionado nos meus pensamentos, achei que era o momento de tomar os remédios que meu psiquiatra tanto insistia.
Durante esse tempo, percebia claramente meu corpo sofrer muitos efeitos colaterais, mas pensava se tratar de um sacrifício momentâneo em nome de um bem maior.
E pensei assim até 2013. Mais precisamente, até a manhã do dia 23 de outubro daquele ano…
Eu estava na Alemanha. Aos 54 anos, tinha pressão 18 por 15, estava 22kg acima do meu peso.
E, claro, tomava com toda a disciplina os remédios contra a depressão. Eram minha única esperança.
Se você toma antidepressivos ou conhece alguém nesta situação, provavelmente, sabe como é essa sensação de dependência.
Uma sensação que começou a mudar a partir daquela manhã…
Era inverno, ainda estava escuro e, como todas as manhãs, eu esperava o trem para ir ao trabalho. Mas, especificamente, naquele dia, algo parecia estar errado…
Vi o primeiro trem do dia se aproximar. Eu me levantei, me preparei para entrar, como sempre fiz, mas novamente, algo parecia estar errado…
Fechei minha mala, joguei meu copo de café no lixo, me aproximei na plataforma, mas o trem nunca chegava. Será mesmo um trem que está vindo?

Eu não sei por quanto tempo fiquei nesta dúvida. Parece que fiquei por horas isolado do mundo, à espera de um trem que não sabia se existia…
Você que toma antidepressivos, sabe do que estou falando. Eu estava alucinando e não era a primeira vez.
Já havia passado por isso antes, em sala de aula, mas sempre foi algo que tive sob controle.
Bastava me concentrar, buscar em algum lugar da minha mente a certeza de que aquilo não era real e pronto, a alucinação passava.
Mas nesta manhã, não havia nenhum lugar seguro em minha mente.
Nada poderia me dizer se aquilo era real ou não.
Você consegue imaginar como é não poder confiar no seu próprio juízo, no que você está de fato vendo?
Bem… diante de todas as incertezas de como seria minha vida dali para frente, uma coisa era certa:
“No meu caso, as alucinações eram comprovadamente efeito dos antidepressivos. Era preciso buscar uma alternativa”
E, logo em seguida, veio a dúvida que você também deve ter: “Mas como?”
A partir daquela manhã, comecei meu caminho para encontrar o método que mudou minha vida e que hoje será compartilhado com você.
Foi com a solução M3PA que eu me curei e com ela que você poderá banir para sempre a depressão da sua vida.
Meu primeiro contato com a solução aconteceu logo depois deste traumático episódio.
Determinado a não ingerir mais nenhuma pílula, consultei um colega da Universidade de Lübeck que é especialista em medicina natural.
Ele me recomendou uma série de artigos que falavam dos benefícios de um certo mineral no corpo humano.
Já nos primeiros dias de uso, minhas noites de sono foram realmente revigorantes. A consequência imediata disso foi acordar muito mais disposto, o que ajudou diretamente no meu trabalho.
Este mineral é o magnésio, o primeiro integrante da Solução M3PA, que curou a minha e pode banir para sempre a sua depressão.
Quer saber como o magnésio também pode ajudar você a dormir melhor imediatamente?
M de Magnésio
Não são poucos os estudos publicados nos fóruns de mais credibilidade, como Jama, Pubmed e Google Acadêmico, que relacionam depressão à deficiência de magnésio no corpo.
Um deles, do cientista George Eby, aponta que, em 1905, os americanos ingeriam em média 400mg diários de magnésio e apenas 1% deles manifestava depressão antes dos 75 anos.
50 anos depois, sobretudo com a inserção do pão de forma na alimentação – que é pobre em nutrientes – o número de depressivos antes dos 24 já eram 6% da população.
Eby conclui seu estudo relacionando o aumento dos casos de depressão no mundo à nossa alimentação, rica em produtos industrializados e pobre em magnésio.
Ou seja, há boa notícia aqui: quando você aprende quais alimentos escolher e qual a dosagem de magnésio tomar, na hora, começa a sair da depressão.
Afinal, ninguém tem uma falta de antidepressivos no organismo. O que você tem é uma falta de equilíbrio entre os nutrientes.
Veja: eu entendo que você pode ter motivos claros para se sentir triste, como desemprego, casamento em crise, uma perda irreparável…
… mas não se trata somente de uma questão social.
Depressão é um desequilíbrio químico e o magnésio pode equilibrar seu sistema nervoso.
A ação mais óbvia do magnésio contra a depressão acontece justamente no sistema nervoso, durante a comunicação entre os neurônios – conhecida como sinapse.
Em linguagem popular, sinapse é a ligação entre o “tico e o teco”.
Veja, todas as suas funções cerebrais, como a cognição ou a memória, são decorrentes do bom funcionamento das sinapses.
A qualidade desse processo depende diretamente da ativação de um receptor especial presente nos neurônios.
O nome dele é meio difícil: N-metil D-asparato, mas também não é importante.
O que você precisa saber é que este receptor é ativado por duas substâncias:
O glutamato, que o seu cérebro mesmo consegue produzir;
E o cálcio, presente em alimentos fáceis de achar como brócolis, sardinha ou chia.
Mas e o magnésio, que encabeça a solução M3PA, onde entra nessa história?
Pois bem. Como falei, glutamato e cálcio ativam este receptor. Só isso. Eles são incapazes de controlá-lo, preservá-lo ou desativá-lo, quando necessário.
Tudo o que eles sabem fazer é ativar o receptor e, sozinhos, eles continuarão fazendo isso, até levar seus neurônios à morte.
O único mineral capaz de se alojar nas sinapses e preservar esse receptor é o magnésio.
Ingerindo a quantidade diária ideal deste nutriente, você será capaz de preservar suas conexões nervosas.
Outro estudo – este, um artigo de 12 pesquisadores chineses de diferentes universidades publicado no Journal of Neuroscience – conclui que magnésio pode prevenir e reverter, além de depressão, o mal de Alzheimer.
Sabe aquela dificuldade de raciocinar que aparece de tempos em tempos… ou a sensação de cansaço mesmo quando você não fez atividade alguma, que te mantém em casa sem vontade de nada?
Pois tudo isso está relacionado à deficiência de magnésio na sua alimentação.
Na solução M3PA, você saberá em quais alimentos encontrar, onde adquirir, qual a dosagem diária…
… e assim, dar seu primeiro passo firme e definitivo para uma vida longe da depressão.
Nos estudos, não existe um só bom motivo para você adotar o magnésio desde já na sua vida. Há vários.
Além de evitar a morte dos seus neurônios, ele estabiliza as funções das células nervosas e corrige os desequilíbrios causados por um dos principais gatilhos da depressão: o estresse.
Bem, é óbvio que estresse faz mal. Isso todo mundo sabe. Mas saiba que esta condição contribui muito com o quadro depressivo.
E o pior: eu duvido que alguém já tenha lhe apresentado uma solução para este problema que não seja um conselho óbvio como “relaxe, trabalhe menos, você precisa se distrair”…
Pois meu objetivo é justamente este, lhe apresentar uma solução prática e realmente eficiente.
Veja. Quando estamos sob eventos estressantes, nosso corpo libera em doses excessivas um hormônio chamado cortisol.
Entre muitos problemas, a ação deste hormônio provoca a atrofia de uma importante estrutura cerebral: o hipocampo.
É justamente o hipocampo a porta de entrada para a formação da memória. Quando alterado, os efeitos da depressão se acentuam.
Você, provavelmente, já experimentou uma sensação de não-pertencimento, mesmo em relação a familiares ou amigos…
De estar quase sempre alheio, num lugar estranho e com dificuldade em participar de momentos descontraídos…
Pois então, você somente se sente assim porque a porta principal das suas memórias está avariada – e isso não é culpa sua, e sim o estresse agindo no seu sistema nervoso.
Harald Murck, neurocientista e especialista em nutrição, apontou em um artigo publicado pela revista científica Nutritional Neuroscience que o magnésio age contra o efeito do estresse e protege o hipocampo da ação nociva do cortisol.

Com a solução M3PA, você saberá quais alimentos são ricos em magnésio, além de onde encontrá-lo como suplemento.
Você saberá a dose diária ideal que seu corpo precisa.
Você verá: além de barato, tomar magnésio regularmente é algo extremamente simples. Tão simples quanto tomar café todos os dias, mas com um cuidado.
A de Adoçante
Pois é.
Lembra que eu comentei que um colega especialista em saúde natural me recomendou uns artigos, logo depois do meu problema com os antidepressivos?
Bem, antes de descobrir o magnésio e os outros dois componentes da solução M3PA, minha primeira descoberta foi saber o quanto o adoçante artificial contribui com a depressão.
Não sei se você gosta de café. Eu devo confessar: não vivo sem ele. São, ao menos, três por dia.
E nesta época eram todos com adoçante, porque estava acima do peso.
O adoçante possui um aminoácido chamado fenilalanina, que provoca um desequilíbrio perigoso no cérebro, sobretudo para quem já está com depressão.
Logo no começo desta carta eu mencionei a serotonina, conhecida como o “neurotransmissor da alegria”.
Pois então, este aminoácido ingerido com adoçante aumenta os níveis de dopamina, o neurotransmissor que inibe a serotonina.
Este desequilíbrio contribui com todos os pensamentos que você conhece bem – e que, acredite, estão com os dias contados.
Professores de diversas universidades americanas publicaram na revista científica Plos One uma pesquisa investigando a depressão em usuários de adoçantes e produtos dietéticos, em oposição a açúcar, mel e produtos regulares.
Foi observado um risco maior de depressão associado ao adoçante e aos dietéticos, manifestada principalmente em adultos acima dos 50 anos.

Por isso, eu recomendo: largue imediatamente os adoçantes (e nem pense em recorrer ao aspartame e à sucralose)
Hoje, você saberá quais são os melhores substitutos para adoçar o seu café sem colocar a saúde da sua mente em risco.
Bem, além do M de Magnésio e A de Adoçante, existe um grupo de bactérias que faz um trabalho fundamental no combate à depressão.
Sem ele, nossa capacidade de absorver os nutrientes fica gravemente comprometida, e por isso são contemplados em nosso método.
P de Prebióticos
Não há mais dúvida na neurociência de que a comunicação entre intestino e cérebro é fundamental para o bom funcionamento do nosso organismo.
Dadas suas inúmeras conexões nervosas, o intestino produz 95% da nossa serotonina.
Por isso, manter uma flora intestinal saudável, com bactérias bem nutridas, é fundamental tanto para combater a depressão quanto para ter uma vida saudável e longeva.
Assim, na solução M3PA você saberá qual é a minha recomendação para as bactérias do bem contidas nos prebióticos ajudarem a acabar com a depressão.
E quer saber do melhor? Você pode encontrá-la gratuitamente, basta seguir a dica que apresento na solução.
E antes de você saber como adquiri-la, eis seu último integrante.
3 de …
Adquirindo esta solução exclusiva, você saberá qual é o suplemento ideal para combinar com o magnésio e, juntamente com as outras recomendações, potencializar seu cérebro.
Trata-se de um ácido graxo essencial importantíssimo para o bom desenvolvimento do cérebro, mas cada vez menos presente nas refeições dos países ocidentais.
Esta foi a constatação de uma agência internacional especializada em nutrição chamada MoodFood. Ela, inclusive, relaciona a ausência desta substância com o aumento de casos de depressão.
Com a solução M3PA, você saberá em quais alimentos ela está, ou, no caso da suplementação, onde encontrá-la e um teste rápido para aferir sua qualidade.
Resumindo, adotando a M3PA, você irá:
Impulsionar seu raciocínio e recuperar partes importantes do seu cérebro com a combinação ideal de magnésio com a substância 3;
Eliminar o aminoácido que inibe o “hormônio da alegria” cortando imediatamente o adoçante da sua vida (existe uma forma de adoçar o café que potencializa seu raciocínio e você saberá qual é);
Preservar sua flora intestinal garantindo a longevidade das bactérias que absorvem os nutrientes dos alimentos, com uma bebida gratuita que você faz em casa.
Veja, agora você já sabe que existe uma forma inédita e natural de reverter a depressão. Assim, você não vai precisar:
✘ tomar remédios para sempre;
✘ se submeter ao risco dos indesejados efeitos colaterais.
ALERTA
As recomendações aqui apresentadas são embasadas em pesquisas científicas de instituições renomadas. Porém, a Jolivi não apoia a automedicação e a interrupção do tratamento sem o conhecimento do seu médico. Sempre converse com o profissional de saúde de sua confiança sobre qualquer questão relativa à sua saúde e bem-estar.
A solução M3PA é a sua verdadeira arma contra a depressão e você saberá agora mesmo como ganhá-la sem custo algum.
Lembra da primeira pergunta que fiz a você no começo da minha carta?
O cansaço… o tédio… a apatia… não é você o é responsável por isso.
A medicina convencional e a indústria dos antidepressivos o convenceram que a depressão é um caminho sem volta.
Eu estava nessa situação, mas com a mesma oportunidade que você tem em mãos, consegui reagir.
E você também pode. Agora é a sua vez.
Como eu faço para ter acesso à solução M3PA?
Você está a um passo de adquirir esta solução e ter em mãos esta arma poderosa contra a depressão.
Ela já está disponível a todos os assinantes da série Conexão Cérebro, presente no Relatório Especial – Depressão.
Eles já podem acessá-lo, sem custo algum.
A série Conexão Cérebro faz parte das publicações da Jolivi, um canal de produção de conteúdo independente, sem vínculo com a indústria farmacêutica, associações, conselhos ou entidade de classe.
A Jolivi faz parte do grupo Agora Health, o maior publisher de temas de saúde natural do mundo.
Nossa missão é apresentar um caminho à falta de eficiência dos tratamentos convencionais.
Por isso, esta foi a empresa que escolhi para divulgar algo tão importante e pessoal como a solução M3PA, que me curou da depressão.
Como professor, uma das minhas grandes preocupações é fazer com que meu conhecimento seja compreendido por qualquer pessoa.
Afinal, a maioria das pessoas não está acostumada à linguagem técnica das revistas científicas, dos protocolos clínicos…
Saber que a solução que me ajudou vem fazendo a diferença na vida dos meus alunos e de seus pacientes é a conquista mais gratificante na vida de um professor.
E, diante de mensagens como esta, acredito que venha fazendo um bom trabalho.

Olá, Nelson. Sou psicólogo de São Paulo. Após fazer o seu curso, passei aplicar e a disseminar os seus ensinamentos para pacientes e colegas. É fantástico que a gente possa contar com esse tipo de conselhos e possa melhorar a nossa vida e a de outras pessoas. Muito grato.
Wagner
Felizmente, a Jolivi me deu a oportunidade de compartilhar a solução M3PA com 400 mil leitores.
Tenho certeza da qualidade deste material e que aqui é o melhor lugar para divulgá-lo.
Por isso, se você deseja se livrar de vez do pensamento depressivo…
Se está cansado da sensação de tédio de todos os dias…
Se quer parar de conviver com o constante pessimismo e a sensação de culpa…
… acesse AGORA o Relatório Especial – Depressão, que contém a solução M3PA, onde você terá uma série de armas para utilizar o seu cérebro na potência máxima.
Este é o propósito do Conexão Cérebro.
Nele, você encontrará recomendações para, além da depressão, se livrar de doenças como:
Alzheimer e outras demência;
Parkinson;
AVC’s;
Enxaquecas e dores de cabeça;
Dores constantes e fibromialgia;
Problemas de memória e confusão mental;
Insônia;
Cansaço crônico;
Depressão e ansiedade;
Problemas motores;
Ao seguir os meus ensinamentos no dia a dia, você:
Permanecerá focado em tarefas desafiadoras pelo tempo que precisar…
Terá disposição para voltar a fazer as coisas que sempre gostou…
Experimentará novamente o otimismo e o bom humor de estar…
Aprenderá de forma fácil novas habilidades e conhecimentos…
E nunca mais deixará sua vida ser tomada pelo tédio e pela apatia…

FONTE: https://sl.jolivi.com.br/conexc03-depressao/?xpromo=XJ-MI-JOLI-CONEXC03-SUBJL-20180218-247-GERAL-X&decoder=b511d9c967b496886418b4942ff9db2f&e=bWZvbnNlY2E1MEBnbXguY29t

2 pensamentos sobre “COMO LIVRAR-SE DA DEPRESSÃO!!

  1. Dr. Nelson, tenho acompanhado seu trabalho e preciso mto de ajuda. Estou consciente da importância nutricional na luta contra o Alzheimer’s e processos demenciais, mas tenho tido mta resistência da família, tentando implantar novos hábitos na vida da minha mãe, com um quadro de demência aos 83 anos de idade. Ela parece mto bem de aparência, parece ter 60 anos. Por favor me diga por onde começar a buscar ajuda aqui no RGS. Agradecida desde já, aguardo sua ajuda.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.